NOTÍCIAS - DISQUE DENÚNCIA BAHIA

DTE apreende 12 kg de maconha na Presidente Dutra

Salvador, 01/12/2014

Através de denúncia anônima, policiais da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) prenderam um homem e conseguiram apreender 12 quilos de maconha, na tarde desta sexta-feira (28), em Feira de Santana.
De acordo com a polícia, a droga prensada e dividida em tabletes estava sendo transportada em uma pick-up Montana, cor preta, de placa não anotada. O carro era conduzido por Danilo Santos Rodrigues Souza, 32 anos, abordado quando passava pela avenida Presidente Dutra.
Ele foi conduzido até a DTE, e após ser autuado em flagrante pelo delegado Matheus Souza, foi conduzido ao Conjunto Penal de Feira.

Blog Central de Polícia, com informações do Fato Concreto.

Fonte: Central de noticias

Megaoperação coíbe tráfico de drogas em Itapuã

Salvador, 01/12/2014

Policiais fizeram uma varredura total nas dunas do Parque do Abaeté

Cerca 60 homens, entre policiais militares e civis, agentes da Guarda Municipal e da Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa), participaram da Operação Véu de Noiva, na tarde desta sexta-feira, 28, nas localidades da Baixa da Soronha, Alto dos Macacos, Baixa do Dendê, Nova Brasília e Lagoa do Abaeté, no bairro de Itapuã.
Conforme o major André Borges, comandante da 15ª CIPM (Itapuã), desde o ínicio da operação, no último dia 14, mais de 250 pessoas foram abordadas e 55 conduzidas à Delegacia de Itapuã. Destes, nove assinaram termos circunstanciado por porte de drogas e foram liberados. Ninguém foi autuado em flagrante.
Ainda segundo ele, até às 17h30 desta sexta, cinco motos e dois carros haviam sido apreendidos. A operação, que será realizada somente nos finais de semana, foi iniciada às 14h e concluída às 19h. Os policiais voltarão às ruas do bairro deste sábado, 29, e domingo, 30.
“A operação é para coibir o tráfico de drogas, roubo de veículos e assaltos aqui na área do Abaeté e adjacência. Vamos manter uma rotina, na expectativa do verão”, diz o comandante.
Durante a ação na Baixa da Soronha, policiais civis localizaram uma oficina de desmonte de veículos, segundo o major Borges. “No local não tinha ninguém, parece uma oficina. O pessoal aqui do SI (Serviço de Investigação da Delegacia de Itapuã) vai continuar investigando”, afirma a delegada Marialda Souza.

Fonte: A Tarde

Como aumentar sua segurança e proteger a privacidade na Internet

Salvador, 01/12/2014

A fronteira entre o que é público e o que é privado está ficando cada vez mais difícil de ser identificada. Por causa do panorama atual da rede, que ao mesmo tempo em que facilita o acesso à informação e aproxima pessoas, pode ser usada como um canal de exploração e manipulação, as discussões sobre proteção de dados e de direitos na internet se fazem bastante necessárias.
Na vida cotidiana, atitudes como “olhar para os lados ao atravessar a rua” ou “não andar por locais escuros e sem movimento” garantem nossa segurança. Na internet não é diferente. Em muitos casos, para assegurar mais privacidade e segurança, é necessária apenas uma mudança de postura.

Confira dicas que lhe ajudarão a se proteger

Login e Senha – Apesar de ser bem conveniente ter logins e senhas salvas, os riscos são muito grandes, uma vez que qualquer pessoa pode conseguir acessar o computador e ter acesso às suas contas. O ideal é “logar” e “deslogar” todas as vezes que houver esta necessidade, principalmente em computadores que não sejam o seu;
Configurações em redes sociais, como o Facebook – Fique atento às configurações de segurança da rede social. Para conhecer as configurações básicas as pessoas gastam em média 30 minutos e este é, sem dúvida, um tempo muito bem gasto.
No caso do Facebook, perceba que a aplicação tem por padrão o compartilhamento público das informações postadas pelos usuários, exceto quando o próprio usuário altera esta condição.
Adote o hábito de compartilhar informações apenas com seus amigos, pois isto já reduzirá bastante o número de pessoas que terão informações a seu respeito. Procure só adicionar pessoas que você realmente conhece, e isso vale para todas as redes sociais.
Contudo, lembre-se, tudo o que você faz em uma rede social fica armazenado em seus servidores e poderá ser utilizado por ela. Verifique com atenção a política de privacidade para saber como seus dados serão coletados, armazenados e utilizados e se você realmente concorda com isso.
Publicidade no Facebook – Por ser uma rede social de acesso gratuito ao usuário comum, o Facebook veicula uma grande quantidade de anúncios. As propagandas exibidas se baseiam nas informações pessoais do usuário, tal como quem são seus amigos e as suas “curtidas”, gerando assim uma série de “anúncios personalizados”.
Embora seja impossível abolir toda a publicidade, a rede disponibiliza ferramentas em que é possível reduzir a quantidade de propaganda veiculada. Basta acessar a área de “configuração” e em seguida “anúncios”, para então alterar as configurações padrão;
Criptografar tudo – Criptografar todo o disco de um computador não é má ideia. Se o seu laptop for perdido ou roubado, é quase impossível para qualquer outra pessoa acessar seus dados sem a sua senha.
As últimas versões do iOS da Apple automaticamente criptografam todo o smartphone ou tablet, se um código de acesso está habilitado. Em dispositivos Android, criptografia é uma opção fácil no menu Configurações;
Limpar o histórico do navegador e os cookies regularmente – Considere alterar as configurações do seu navegador para que o cache seja automaticamente apagado a cada sessão. Isso ajuda a evitar que os dispositivos sejam monitorados online;
Aplicativos – Regularmente reveja quais aplicativos têm acesso a suas contas de redes sociais. Alguns aplicativos usam a rede para acessar dados sigilosos e, em muitos casos, são autorizados pelo próprio usuário sem que ele perceba. Desta forma, é preciso estar atento e nunca se esquecer de revogar o acesso a seus dados caso não use mais o aplicativo;
Reputação online – Pessoas agindo de má fé podem existir em todos os lugares, na internet e fora dela. Para garantir que o seu nome não seja utilizado indevidamente online, uma opção é criar um alerta (como o Alerta Google, por exemplo) com variações de seu nome.
Cada vez que seu nome for mencionado na web você receberá uma notificação. Apesar de estar sujeito a receber informações irrelevantes, vale lembrar que precaução nunca é demais!

Opções para navegação mais segura

Para além das já consagradas ferramentas de comunicação, novos aplicativos surgem a cada dia para que seja possível trafegar na rede com muito mais tranquilidade e segurança. Conheça algumas destas opções:
* O Telegram é uma alternativa aos aplicativos para troca de mensagens em aparelhos móveis (Whatsapp, Facebook Messenger, etc) e foi desenvolvido de forma que garanta que as mensagens trafeguemm sem nenhuma interferência e sem que ninguém (nem mesmo a Telegram) tenha cesso a estas mensagens.
* Como alternativa para os mecanismos de busca, a dica é o Duckduckgo. Basicamente esta ferramenta não utiliza técnicas de rastreamento, além de não coletar e não compartilhar as informações dos usuários.
* Embora ainda não seja tão popular, a rede social Diáspora é uma das opções para quem quer interagir com os amigos de forma mais segura. Totalmente encriptada, a rede não pode ser espionada, assim como não há nenhum tipo de análise, cruzamento ou perfilamento de dados no servidor.

Fonte: Tribuna da Bahia


Página 193 de 231« Primeira...102030...191192193194195...200210220...Última »

@ 2017 - Todos os direitos reservados - Disque Denúncia Bahia - (71) 3235-0000 - 181 | DD181